Paisagismo

Plantas para ambientes internos: saiba como cultivar 

Plantas em ambientes internos

Ter plantas em ambientes internos pode deixar a decoração mais charmosa e aconchegante, além de trazer benefícios para nossa saúde, melhorando a qualidade do ar.

Algumas plantas atuam purificando o ar, já outras ajudam a umedecer o ambiente. Enfim, os benefícios vão muito além da beleza e não é preciso ter varanda ou quintal para poder cultivar suas plantinhas.

blank

Se você não sabe, cada tipo de planta tem uma necessidade específica e por isso é importante buscar sempre informações sobre cada uma antes de levar para sua casa.

Alguns cuidados como a luz, irrigação e tipo de vaso podem determinar até se a planta vai viver mais ou menos tempo. Confira abaixo algumas dicas do que você precisa saber para cultivar plantas em ambientes internos e desta forma deixar sua casa ainda mais bonita, aconchegante, perfumada e com um ar mais puro.

Luz

A luz, por exemplo, é a primeira coisa que devemos pensar quando trazemos uma planta para um ambiente interno. Pois cada planta exige uma quantidade certa de luz natural, por isso é bom pesquisar e saber qual vai se adaptar melhor em sua casa.

Com relação à irrigação, muitas plantas, como os cactos, heras e suculentas, só precisam ser regadas duas vezes por semana, às vezes até menos que isso. É preciso observar a quantidade de água utilizada, pois elas morrem mais pelo excesso de água do que pela falta.

plantas para ambientes internos

Como escolher o melhor vaso para cada planta

Os vasos são peças importantes para ter plantas dentro de casa. É fundamental que as plantas para vasos internos sejam escolhidas de acordo com suas necessidades. Vale ressaltar a importância que o vaso contenha furos na parte de baixo, para que a drenagem possa ser feita. Além disso, o tamanho tem que ser proporcional ao crescimento da planta.

Ainda mais, é essencial deixar espaço para que a raiz possa crescer, as plantas que crescem no sentido vertical tendem a ter uma raiz mais profunda, enquanto as que crescem no horizontal tem a raiz mais superficial e espalhada.

Vaso

Confira alguns tipos de vasos:

  • Cerâmica natural: eles mantêm a umidade e deixam a terra mais fresca por um tempo maior;
  • Concreto ou cimento: mais baratos e mais duráveis também, têm uma grande variedade de formas e tamanhos além de serem muito bonitos. Eles devem ser maiores do que o recomendado para a planta, pois são menores no espaço interno;
  • Plástico: são baratos e leves, e muito mais úteis em transporte de mudas. Além disso, eles tendem a esquentar mais sob o sol;
  • Metálicos: são muito escolhidos por serem bonitos e elegantes, principalmente para dentro de casa. Esses vasos podem ser utilizados também em superfícies que não suportam muito peso. A desvantagem está no custo, que é bem maior comparado aos outros.

vaso para plantas em ambientes internos

Qual a melhor planta para ambiente interno?

Plantas naturais de ambiente interno são as melhores para se cultivar em casa por serem espécies que se adaptam com sombra ou meia sombra. Você pode colocar plantas em todos os cômodos da sua casa, respeitando sempre todas as necessidades como regar, a iluminação e adubação.

Será que é possível manter plantas bonitas em um lugar fechado? Claro que sim! Basta escolher as espécies certas.

plantas grandes para ambientes internos e também as menores que podem ser utilizadas dentro de sua casa e algumas delas se desenvolvem no interior das residências mesmo, entre elas, a samambaia, o antúrio, a Espada de São Jorge, entre outras.

Antúrio

A antúrio é bem conhecida para decorar lugares fechados. Ela se dá super bem em vasos e não precisa de luz solar direta, elas podem medir até 90 cm.

Samambaia

As samambaias se adaptam a diferentes ambientes, com luz, sem luz, internos e externos. Sem contar que ela não exige tantos cuidados.

Espada de São Jorge

A Espada de São Jorge é ideal para ambientes fechados, ela exige pouca luz para se desenvolver. Entretanto, ela não gosta de um clima mais frio. É comprovado que ela purifica o ar e filtra todos os poluentes do ambiente.

Lírio da paz

O lírio não exige muitos cuidados e nem muita luz, cultivada mais em ambientes fechados é um exemplo de beleza para o ambiente que é colocada.

Plantas que vivem bem em ambientes escuros

Há muitas plantas que não precisam de muita claridade para se manter saudáveis e você pode cultivar dentro do quarto, na sala, na cozinha ou em outro lugar de sua casa. Podendo, assim, ter uma decoração linda e com plantas que vivem de forma saudável mesmo em um ambiente que não bate tanto sol.

A dracena é uma planta que não precisa de muito sol, porém ela gosta de umidade.

O lírio da paz cresce bem sem luz do sol, é uma planta ideal para se cultivar em ambientes fechados.

As palmeiras são de fato cultivadas em ambientes fechados, é uma ótima opção para espaços com pouca luz solar.

As bromélias podem até sobreviver com iluminação artificial, por isso elas podem ficar em salas sem janelas, banheiro, etc.

Ainda outras são: 

  • Orquídea Baunilha – Vanilla bahiana;
  • Calatéia zebra – Calathea zebrina;
  • Maranta-cinza – Ctenanthe setosa;
  • Dracena bambu – Dracaena surculosa;
  • Clorofito – Chlorophytum comosum;
  • Flor de cera – Hoya carnosa;
  • Pleomele – Pleomele reflexa.

plantas dentro de casaIrrigação

De antemão, a frequência da irrigação dependerá do tipo das suas plantas. No entanto, é comum que as plantas não sejam regadas mais do que 3 ou 4 vezes na semana – sempre intercalando os dias. 

Os melhores horários para irrigar suas plantas é sempre no início da manhã ou no final da tarde. 

Por fim, tenha cuidado com os pratinhos, lembre-se da dengue e das possíveis doenças. Você pode colocar areia nos pratinhos para absorver a água ou virar os pratinhos para baixo.

plantas em ambientes internos

Plantas que não precisam de muita água

Algumas plantas que não precisam de muita água são: 

  • Pata-de-elefante;
  • Árvore-de-borracha;
  • Espada-de-São-Jorge;
  • Gravatinha;
  • Árvore-guarda-chuva.

Qual planta pode ficar na sala?

As plantas que podem ficar na sala devem transmitir ao ambiente um frescor que assim complete a decoração do cômodo com uma elegância e versatilidade. Você pode usar diversos tipos de vasos com plantas de variados tamanhos e formatos.

Se está pensando em cultivar uma plantinha na sala, confira abaixo algumas espécies ideais para você:

Os cactos, dos mais variados tipos, são muito fáceis de cuidar, não necessitam de água todos os dias. A grande variedade de espécies permite que eles sejam usados em vários espaços.

As orquídeas, deixam qualquer ambiente mais sofisticado e elegante. Mesmo não florescendo durante todo o ano, elas precisam de cuidados constantes.

A Costela de Adão é uma planta com alto valor estético e decorativo, o formato das folhas embeleza qualquer ambiente.

As plantas de ambiente interno e as plantas naturais para ambientes internos, além de lindas, na maioria das vezes são de fácil acesso e cuidados, está na moda ter plantas para ambientes internos, sem contar que para quem cuida e dedica um tempo todos os dias acaba sendo um momento de lazer e distração.

Viu como é fácil cultivar plantas em ambientes internos? Não deixe de acompanhar nossa página do Facebook para mais dicas sobre decoração e o universo da construção civil.

Fontes: Casa Vogue, Revista Casa e Jardim, Homify e agências de notícias

Imagens: Pinterest e banco de imagens

Gostou? Compartilhe!
De um a cinco, que nota você dá para esse conteúdo?
E aí, ficou com alguma dúvida ou quer comentar algo sobre esse conteúdo?




    Mais Artigos Sobre Paisagismo